Pesquisa

Não existem registos

Não existem registos

Não existem registos

Como prevenir as pedras no rim?

 

O cálculo ou pedra renal forma-se a partir de substâncias que estão na própria urina. As pessoas que já sofreram de uma cólica renal e expulsaram a pedra que a causava têm maior probabilidade de formar novas pedras: aproximadamente 3 em cada 5 pessoas terão um novo cálculo em menos de 10 anos.

 

Como prevenir as pedras no rim

 

 

O que deve fazer?

 

A medida preventiva mais importante adequada a todos os tipos de pedras é aumentar a quantidade de líquidos ingeridos:

 

  • Beba mais de 2,5 l de líquidos por dia (uns 12 copos), de preferência água ou sumos de fruta.
  • Beba até conseguir urinar uma quantidade de 2 l por dia.
  • Lembre-se de repor mais líquidos em situações que as perdas estejam aumentadas: calor, exercício, doenças ou trabalho.
  • Habitue-se a beber: faça com que este se torne mais um hábito da sua vida diária. Estabeleça alturas para beber de forma rotineira e controle as quantidades ingeridas. Verá que em breve este se transformará num hábito da sua rotina diária.

 

A dieta pode ajudar na prevenção:

 

  • Modere o consumo de sal, carne, café e bebidas que contenham cafeína, chá e chocolate.
  • Além das medidas anteriormente referidas deve tomar outras que dependerão do tipo de pedra que tenha tendência a formar.

 

Nos cálculos que contêm cálcio:

 

  • Diminua a quantidade de alimentos ricos em oxalato como os espinafres, as couves, a beterraba, as nozes e os amendoins.
  • Apesar de sempre se ter aconselhado o contrário atualmente recomenda-se que NÃO restrinja o cálcio da dieta (leite e derivados) pois tal restrição poderá aumentar o risco de formação de cálculos.
  • Aumente os alimentos ricos em citrato como o limão, a laranja, a cidra, a lima, a toranja, o kiwi, a groselha e a goiaba.

 

Para completar as medidas preventivas anteriores deverá ainda fazer:

 

  • Exercício regular. Caminhe diariamente a bom ritmo; é benéfico para a sua saúde e pode ajudá-lo a evitar a formação de novos cálculos.
  • Evite a obstipação pois esta favorece a repetição de cólicas.
  • Existem medicamentos para evitar a formação dos diversos tipos de pedras. Estes devem ser receitados pelo médico e tomados de acordo com as suas recomendações.

 

 

Quando consultar o seu médico de família?

 

  • Se beber bastantes líquidos e não aumentar a quantidade de urina ou esta diminuir.
  • Se voltar a aparecer uma dor muito intensa nas costas, cintura ou região lombar pode tratar-se de outra cólica.
  • Se aparecer ardor ao urinar ou sangue na urina.
  • Se está grávida, tem um só rim funcionante ou alguma doença incapacitante necessitará de uma vigilância mais apertada. Dirija-se imediatamente ao seu médico se aparecer qualquer sintoma suspeito.

 

 

Excerto do Guia Prático de Saúde - da semFYC (Sociedad Española de Medicina de Familia y Comunitaria)

Traduzido e adaptado pela APMGF (Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar), julho 2013.