Pesquisa

Não existem registos

Não existem registos

Não existem registos

Disfunção da Articulação da Mandíbula

 

A articulação temporomandibular (ATM) está situada à frente dos ouvidos e move-se quando abrimos e fechamos a boca.

 

É a articulação que une a mandíbula com o crâneo. Na disfunção da ATM há um mau funcionamento dessa articulação, que produz sintomas como estalidos, dores diversas (pela sua proximidade, com frequência parece que a dor vem do ouvido) e dificuldade na abertura e encerramento da boca.

 

É um problema frequente e as causas podem ser múltiplas: malformações dos ossos, traumatismos, perda de peças dentárias, artrose, mau uso (comer com frequência alimentos duros ou utilizar os dentes inadequadamente, por exemplo, para abrir garrafas, etc.).

 

Disfunção da Articulação da Mandíbula

ATM: articulação temporo-mandibular

 

 

O que deve fazer?

 

  • Para evitar o aparecimento da dor deve fazer repouso da articulação:
    • Faça uma dieta ligeira e de fácil mastigação. Evite os alimentos duros como pão duro e frutos secos. Evite também pastilhas, caramelos e tudo o que precise de mastigação prolongada.
    • Diminua a abertura da boca. Evite comer bocados de alimentos que o obriguem a abrir muito a boca. Segure a mandíbula quando bocejar, para impedir que a abra em excesso.
    • Diminua a tensão emocional e o stress. Em situações de stress pode acontecer que cerremos os dentes, incluindo à noite ao dormir.
  • Em caso de dor aguda, experimente utilizar um saco de gelo envolto num pano fino à frente do ouvido durante os primeiros dias. Posteriormente, pode aplicar calor (saco de água quente).
  • Se tiver um grande incómodo, pode tomar analgésicos como o paracetamol na dose de 500-1000 mg cada 6-8 horas ou anti-inflamatórios como o ibuprofeno na dose recomendada pelo seu médico.

 

 

Quando consultar o seu médico de família?

 

  • Se os sintomas piorarem (dor, dificuldade em mexer a boca ou ao mastigar).
  • Se houver má resposta ao tratamento médico.
  • Se a dor durar mais de 15 dias.

 

 

Excerto do Guia Prático de Saúde - da semFYC (Sociedad Española de Medicina de Familia y Comunitaria)

Traduzido e adaptado pela APMGF (Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar), julho 2013.