Pesquisa

Não existem registos

Não existem registos

Não existem registos

Dispareunia

 

Dispareunia é o nome que se dá à dor que se produz na zona dos genitais e região pélvica durante ou depois de ter relações sexuais.

 

Pode afetar tanto o homem (habitualmente no pénis e testículos) como a mulher (vagina, útero e região pélvica).

 

Pode surgir em todas as relações sexuais ou só em algumas. Algumas pessoas têm nas primeiras relações sexuais, mas em outros casos aparece só passado algum tempo.

 

As causas mais frequentes são:

 

Na Mulher

 

  • A secura ou falta do líquido que humedece a zona da vagina, por:
    • Ter relações com pouca excitação.
    • Alterações hormonais da menopausa.
    • Medicamentos, por exemplo, os que se utilizam para tratar as alergias.
  • O vaginismo, que é o espasmo dos músculos existentes em redor da vagina. Em algumas mulheres, a dor dos espasmos é tão intensa que a penetração do pénis é impossível.
  • As cirurgias e o parto originam dor durante algum tempo. Informe-se do tempo que deve decorrer até voltar a ter relações sexuais.
  • As feridas na região pélvica e as hemorróidas são causas de dor e, em alguns casos, de hemorragia.

 

Em geral, qualquer problema que provoque inflamação ou infeção dos genitais e bexiga pode provocar dor. Observe se tem alterações do corrimento, da urina ou queixas ao urinar.

 

No Homem

 

  • As alterações na forma do pénis, em especial a fimose, que impede de retrair por completo o prepúcio.
  • As infeções e inflamações no canal de saída da urina (uretra) ou na próstata.

 

Nos Dois Sexos

 

  • A diabetes e algumas drogas como o álcool podem provocar dispareunia nos dois sexos.
  • Situações de nervosismo, ansiedade, inclusive o medo de uma possível gravidez.

 

Dispareunia

 

 

O que deve fazer?

 

A Mulher

 

  • Utilize cremes lubrificantes que diminuam a secura e a dor vaginal.

 

O Homem

 

  • Se tem fimose, consulte o seu médico. Uma pequena intervenção com anestesia local pode resolver o problema.

 

Ambos os Sexos

 

  • Antes da penetração, pratique jogos, carícias e massagens.
  • Respeite o ritmo do seu/sua parceiro(a). Fale com ele/ela sobre as suas relações sexuais, dúvidas, medos. Consulte o seu médico se for preciso.

 

Dispareunia

 

 

Quando consultar o seu médico de família?

 

  • Se tem dor nas relações sexuais de forma repetida.
  • Com carácter urgente, se também tem hemorragia ou sintomas de infeção ou inflamação genital.
  • Se a dispareunia coincide com a toma de algum medicamento.

 

 

Excerto do Guia Prático de Saúde - da semFYC (Sociedad Española de Medicina de Familia y Comunitaria)

Traduzido e adaptado pela APMGF (Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar), julho 2013.