Pesquisa

Cuidados ao paciente com uma sonda naso-gástrica

 

A nutrição por sonda é uma forma de alimentar, através de um tubo que vai desde o nariz até ao estômago. É um método simples, seguro e eficaz de alimentação.

 

Utiliza-se em pessoas que não são capazes de ingerir comida pela boca. Existem preparados na farmácia em forma líquida que têm o mesmo valor nutritivo que uma dieta equilibrada. Também pode ser utilizada para tomar os medicamentos.

 

 

O que deve fazer?

 

Alimentação

 

  • O paciente deve estar sentado ou com a cabeceira da cama levantada.
  • Lave as mãos com água e sabão e seque-as bem.
  • Verifique a data de validade no frasco ou bolsa do preparado alimentar.
  • Agite e abra.
  • Se não utilizar tudo, feche e guarde no frigorífico. Deite fora todo o produto que tenha sido aberto há mais de 24 horas.
  • Introduza o alimento pela sonda lentamente durante 15 a 20 minutos.
  • Pode caminhar uma hora após a refeição.

 

Cuidados do nariz e boca

 

  • Mude a fita adesiva que fixa a sonda ao nariz todos os dias.
  • Limpe com suavidade os orifícios nasais com água quente. Para evitar irritação, use um creme hidratante.
  • Escove os dentes e língua com pasta dentífrica, no mínimo 2 vezes por dia. Bocheche com água ou com um elixir para refrescar a boca. Se os lábios estiverem ressequidos, use um creme de cacau ou vaselina.

 

Administração de medicamentos

 

  • Não os misture com os alimentos.
  • Os comprimidos podem triturar-se e dissolver em água sem misturar uns com os outros na mesma seringa.
  • Depois de administrar cada fármaco, passe 30 ml de água pela sonda.

 

Cuidados com a sonda

 

  • Assegure-se de que a tampa está colocada quando a sonda não está a ser utilizada.
  • Após as refeições, administre água com uma seringa para limpar por dentro e veja se está na posição correta. As marcas externas devem ver-se no mesmo sítio.
  • Mova todos os dias a sonda, fazendo-a rodar sobre si mesma. Ao mudar a zona de contacto com o nariz evita as úlceras.
  • Poderá tomar duche sempre que o seu médico ou enfermeira recomendar. Se tomar duche, não se esqueça de manter encerrada a tampa da sonda. Finalize secando bem a zona de fixação da sonda e mude a fita adesiva.
  • A sua enfermeira lhe dirá com que frequência é necessário substituir a sonda.

 

 

Quando consultar o seu médico ou enfermeiro de família?

 

  • Se tiver náuseas, vómitos, diarreia ou dor abdominal que não melhoram ao fim de um dia.
  • Se tiver a boca ou a pele seca ou se estiver mais confuso.
  • Se tiver mais de 38o ºC de febre.
  • Se a sonda tiver saído ou deslizado.
  • Se a zona onde está colocada a sonda estiver avermelhada ou com pus.
  • Se notar dificuldade na introdução de alimentos ou água.
  • Se suspeitar que parte dos alimentos passaram para a traqueia e brônquios ou se notar o paciente mais cansado.

 

 

Excerto do Guia Prático de Saúde - da semFYC (Sociedad Española de Medicina de Familia y Comunitaria)

Traduzido e adaptado pela APMGF (Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar), julho 2013.